Metade Luz · Javier Brandoli

Fotografia é luz parou, um momento em que o movimento cessa. Viagem é movimento. Como curiosidade a arte de stop motion. Esse é o seu segredo: o jogo de capturar a luz no instante preciso. Aqui estão algumas das fotos que eu tentei em minhas viagens ao redor do mundo. Desfrutar de uma viagem Da Luz.

A luz media · Javier Brandoli

Preços

Todas as fotos estão com preços 40 euros impressão e postagem (podem ser coletados na loja diretamente para residentes em Madrid Clorofila Digital, Téllez rua, 17). O formato é uma escolha pela, pode contactar-nos através de vap@viajesalpasado.com forma ou por nosso contato para pedir algum tipo de tamanho o apoio especial. Os preços listados aqui são apenas para os dois formatos descritos abaixo. O preço final será confirmado com a pessoa antes de fechar a entrega ou coleta.

Tamanhos e características

30 x 40 centímetros

  • Cópia cavar Carros RC: 4,60 EUR
  • Montaje Foam 10 milímetro: 6,00 EUR
  • Moldura Aluminio: 22, 40 EUR
  • Fotografia preço: 40 EUR
  • Total: 73 EUR (preço do transporte possível de ser determinado pelo destino)

50 x 57 centímetros

  • Cópia cavar Carros RC: 14,00 EUR
  • Montaje Foam 10 milímetro: 24,00 EUR
  • Moldura Aluminio: 44, 80 EUR
  • Fotografia preço: 40 EUR
  • Total: 122,80 EUR (preço do transporte possível de ser determinado pelo destino)

Comentários (17)

  • Paloma

    |

    Eu amo a foto da palma da mão. Que belas imagens e belas viagens de fantasia. Parabéns.

    Resposta

  • En route

    |

    O que fazer para apresentar um documento?

    Resposta

  • Brandoli javier

    |

    Se você clicar em cima, menu, Expo-foto, condições são. Obrigado pelo seu interesse nesta nova secção.
    Javier

    Resposta

  • Armandito

    |

    Fotos muito bom, gosto de todos, mas estou impressionado especialmente o crematório.

    Resposta

  • Javier Brandoli

    |

    Olá Armandito, obrigado. Na foto da história do Nepal é cojonuda. Que queimou os pobres, as castas mais baixas, e em toda a rica. Ninguém chorou, sentou-se calmamente na frente do corpo. Brutal. abraço

    Resposta

  • Caramelo

    |

    Uma pergunta: Podemos enviar apenas uma foto, ou deve apresentar um trabalho completo?

    Resposta

  • Javier Brandoli

    |

    Doce oi, devem apresentar um trabalho completo. O número de imagens deve ser, pelo menos, oito. Veja se você tem oito grandes fotos que expõem e falar. Cumprimentos e obrigado por seu interesse nesta seção bonita.

    Resposta

  • Mayte

    |

    Como é maravilhoso!! Javier oeuvres são todos!!!!!

    Resposta

  • Lydia

    |

    Algumas fotos grandes. Fiquei muito impressionado de cremação no Nepal.
    Eu gosto que Pong des tantos dados: onde, como e quando você tirou a foto.
    O espelho retrovisor é muito original.

    Resposta

  • Simplório

    |

    Lugares maravilhosos, belas fotos.

    Resposta

  • Jose Luis Gado

    |

    A reportagem é bonito eu gosto de todas as fotos que eu gosto muito e também tento sempre procurar o lugar mais espetacular para tirar minhas fotos quando viajo para elmundo

    Resposta

  • Javier Brandoli

    |

    Fotografar é uma droga quando ele se depara com algo especial. O bom é viver, Claro, mas depois de ver uma imagem é francamente muito satisfatório. Graças José Luis.

    Resposta

  • Laura

    |

    Enhorabuena por esta sección que no conocía.
    Son muy increibles las fotos a media luz. Me quedo con la casa de Cuenca, imposible no dejarse atrapar por cuentos de brujas, hadas y fantasmas invencibles.
    Parabéns!
    Laura

    Resposta

  • Helena

    |

    Me decepciona ver en una página de viajes seria que a las casas de Cuenca se les llame colgantes y no colgadas. La foto es muy bonita pero denota una gran falta de atención. Se trata de cambiarle el nombre a un monumento, porque nadie diríala torre colgante de Pisa “o “el puente colgante de Florencia”.

    Resposta

  • Javier Brandoli

    |

    Hola Helena, soy de Madrid, mi falta de atención me ha hecho desde niño llamarlas colgantes y no colgadas (toda mi vida). Pido mil disculpas si estaba errado. Francamente, ni somos perfectos ni queremos parecerlo. Adoré aquel lugar, sufrí un inmenso frío haciendo esas fotos y me encanta lo bonita que quedó. Ese fue mi respeto, estar en ese lugar hasta muy tarde, en el puente, esperando para sacar una bella foto. Trabajamos mucho por nada, por el placer de hacerlo, intentando hacerlo lo mejor posible, para que alguien suelte un comentario tan desproporcionado por si las llamamos colgantes o colgadas. Quizá para usted sea muy importante, y lo respeto, pero bastaba con enviar un comentario diciendo que es más certero llamarlas colgadas, que en todo caso es una cuestión semántica que no muda nada. Para mim, no entanto, es más importante tener un poco de cabeza y no menospreciar tanto esfuerzo por una cosa tan banal. Siento su decepción, a mi usted y su comentario también me decepciona por la forma, por el tono, por innecesario.

    Resposta

  • Consuelo

    |

    Enhorabuena por las fotos, son preciosas!!
    Sólo una observación a modo informativo, las casas de Cuenca son colgadas, no colgantes :-)
    Saudações

    Resposta

Escrever um comentário